sábado, 18 de agosto de 2012

Mulheres pode ensinar na igreja



 1º Timóteo 2.11-15
 
11 A mulher aprenda em silêncio com toda a submissão.
12 Pois não permito que a mulher ensine, nem tenha domínio sobre o homem, mas que esteja em silêncio.
13 Porque primeiro foi formado Adão, depois Eva.
14 E Adão não foi enganado, mas a mulher, sendo enganada, caiu em transgressão;
15 salvar-se-á, todavia, dando à luz filhos, se permanecer com sobriedade na fé, no amor e na santificação.
 
Rapaz sinto vontade de rir com tanta hipocrisia. Tanta asneiras escrita contra as mulheres de Deus que pregam o evangelho. Sem falar sobre as suas vestimentas.

 A bíblia fala claramente que a mulher deve se vestir com modéstia, pudor e simplicidade ( o homem também ), e as igrejas colocam regras como saia ( 10cm abaixo do joelho, paletó, gravata etc ( regimentos internos )  . E quanto ao ensinamento da Palavra é brincadeira o que os homens estão ensinando pelos púlpitos do Brasil afora, nunca vi tanta mentira começando por esta tal de doutrina da prosperidade ( corações  gananciosos ) doutrina da roupa do cabelo ( usos e costumes e não doutrinas ) pregados muitas vezes por homens com os corações cheio de lascivia ( Deus conhece os corações ). Mas meditamos um pouco em 1 Tim 2.11-15. Que a mulher aprenda é uma determinação. Paulo deseja que as mulheres aprendam  a doutrina cristã na congregação local, mas com uma atitude adequada. Aqui ele se coloca acima da cultura grega, já que a mulher no século 1, na Grécia não era considerada capaz de aprender ( Porque Paulo quer que a mulher aprenda? ) Inclusive exorta a timóteo a dar oportunidade as mulheres, e ainda aproveita o pontencial das mulheres em seu ministerio. ( Rm 16.3-15 ). EM SILÊNCIO. Deve ser a atitude ou disposiçãoda mulher ( como sossegada em 1Tim 2.2 ou de um espirito manso e quieto em 1Pe 3.4 enquanto estiver aprendendo, como aliás, deveria ser de todos os cristãos, mulheres e homens. Paulo não quer dizer que a mulher não pode falar na congregação local ( compare 1 Co 11.2-16 ). Paulo adverte que as mulheres devam aprender com sujeição, não de modo irriquieto, contencioso ou rebelde. Esta novidade em matéria de liberdade, para os que continuarem na ignorancia e consequentemente imaturos, pode ser facilmente usado de forma incorreta, como aconteceu, por sinal em éfeso 5.11-15 ( está acontecendo ainda nos dias de hoje ). ENSINE.  Era um ensino baseado  na revelação de Deus, usando das mesma funções exercidas na igreja pimitiva pelos anciãos: doutrinas, correção, disciplina  e repreensão. Geralmente os que exerciam  essa autoridade na igreja tinham o dom espiritual de ensinar ( muitos não vivem o que ensinam ), compare Rm 12.7, 1 Co 12.28, mas nem todo exercicio desse dom espiritual deveria ser necessariamente dentro da congregação. AUTORIDADE. O que geralmente é aceito em dicionários acadêmicos reconhecidos e estudos recentes mostram e que as mulheres não devam exercer autoridades sobre os homens. O que não pode é que as mulheres ensinem de um modo dominador sobre os homens. Mas se ensinarem, portanto com uma atitude correta, as mulheres o podem fazer aos homens na congregação.. O que Paulo não queria era que tantos os homens como as mulheres ensinasse de forma incorreta. O que Paulo estava dizendo era que a mulher não podia  dar qualquer tipo de ensino com autoridade sobre os homens. Ou seja, demostrando poder como se estivesse dizendo aqui quem manda sou eu ( ensinar de modo dominador ). A exortação de Paulo está somente relacionada a teologia.
Jesus Cristo o amor maior.
Pr Joceli