terça-feira, 6 de setembro de 2011

A moda e a igreja

Que Jesus possa abençoar a todos
Neste assunto que estarei abordando quero que todos saibam, que em hipótese alguma sou radicalista quanto a procedimentos, liturgias ou usos e costumes nas igrejas

Mas hoje em dia tem se criado tanto modismo nas igrejas, e as pessoas tem se adaptado a estes modismos que se andarem na rua e conversarem com outras pessoas, na primeira impressão dificlmente se saberia que é uma pessoa crente.

Pois bem,uma grande maioria de pessoas que se diz ser crente, fala igual ao mundo com sua girias chulas e palavreados grotescos, vestem-se igual ao mundo sem pudor, sem modéstia e simplicidade e quando se toca nas vestimentas dizem que o que importa é que Jesus está no coração ( até citam Samuel quando da unção de Davi ).Adaptam letras que falam de Deus e as histórias da bíblias a músicas mundanas em que muitas vezes as letras originais, não passavam de pornografias, idolatrias, adoração a satanás, fazendo muitas vezes apologias ao sexo, droga etc; alegando que estas músicas chamam pessoas para a igreja.

Pergunto? A igreja não foi separada por Cristo para ser um povo zeloso e de boas obras. Será que o Espirito Santo não tem mais o poder de convencimento ou o homem não está mais pregando dentro da vontade de Deus? A igreja por ser a menina dos olhos de Deus não deveria ser diferente do mundo? O brilho de Jesus resplandecente nas igrejas não deveria iluminar o mundo e não o mundo enegrecer a igreja? Pouco se vê nas igrejas quando se entoa um hino, lágrimas de adoração cairem pelo rosto dos adoradores. Mas vemos muito um frenático passsos pra cá e prá lá e monte de Uh Uh, Uh Uh.

Meu amado irmão e amigo do evangelho, o que voce pensa sobre isso?